Resenha: Ligações

Hora da Leitura 0 Comments

Bom, então... Vim hoje trazer para vocês a resenha de um livro que estou lendo há mais tempo do que eu gostaria: Ligações, de Rainbow Rowell.


                                          

GEORGIE MCCOOL sabe que seu casamento está estagnado. Tem sido assim por um bom tempo. Ela ainda ama seu marido, Neal, e ele também a ama, profundamente – mas o relacionamento entre eles parece estar em segundo plano a essa altura.Talvez sempre esteve em segundo plano.
Dois dias antes da tão planejada viagem para passar o Natal com a família do marido em Omaha, Georgie diz a ele que não poderá ir, por conta de uma proposta de trabalho irrecusável. Ela sabia que ele ficaria chateado – Neal está sempre um pouco chateado com Georgie –, mas não a ponto de fazer as malas e viajar sozinho com as crianças.
Então, quando Neal e as filhas partem para o aeroporto, ela começa a se perguntar se finalmente conseguiu. Se finalmente arruinou tudo.
Mas Georgie estava prestes a descobrir algo inacreditável: uma maneira de se comunicar com Neal no passado. Não se trata de uma viagem no tempo, não exatamente, mas ela sente como se isso fosse uma oportunidade única para consertar o seu casamento – antes mesmo de acontecer…
Será que é isso mesmo o que ela deve fazer?
Ou ambos estariam melhor se o seu casamento jamais tivesse acontecido?

Nesse livro, acompanhamos Georgie e seu marido Neal, que após anos de casados e com duas filhas pequenas estão um tanto parados no casamento. Eles se amam. Mas não se entendem. E quando Neal vai passar o natal com as filhas em Omaha, Georgie decide que não poderá acompanhar eles por conta do trabalho.

Eles tem uma briga por conta disso, e Neal vai embora mesmo assim com as filhas.
Até que, certo dia, em sua antiga casa, Georgie acha um telefone antigo de linha e de repente consegue se comunicar com o Neal do passado na semana onde ele decidiria pedir ela em casamento.

Certo...


Pra ser bem honesta, estava debatendo bastante para saber se eu vinha aqui escrever essa resenha ou não. Mas na crise de leitura que estou, não vou desperdiçar nenhuma resenha.

Eu amo a forma como Rowell escreve e nos apresenta os personagens, de forma sutil e verdadeira ela fez a mesma coisa com todos seus livros, livros que eu amo como Fangirl e Eleanor e Park e livros que achei ok e talvez ame mais hoje em dia como Anexos. E ela faz o mesmo com esse. Mas não da forma que eu esperava.

Quando vemos Georgie se despedir da família para que possa focar no seu sonho de criar um seriado só dela - bom, só dela e do seu melhor amigo. Eu não tenho certeza do que estava esperando, mas com certeza não era Georgie entrando em colapso logo no começo do livro. Se ela não aguentaria ficar longe da família no natal, porque simplesmente não foi com eles? Ela já não estava trabalhando mesmo, não estava sendo nada produtiva e estava deixando a si mesma e as pessoas ao seu redor loucas.

Claro, se ela fosse não teria livro... Mas...

O plot do livro se desenvolve de forma muito muito lenta e as minhas partes favoritas era quando contava alguma coisa sobre o passado dela e Neal - como eles se conheceram, o primeiro encontro deles - essas pequenas coisas foi o que me fez continuar o livro. Essas e saber o que era exatamente aquele telefone e qual seria a conclusão de tudo.

E acontece o esperado.

Eu deveria falar que o livro traz algo muito legal como o fato de que aqui quem sustenta a família é a mulher e quem cuida dos filhos é o homem. Mas é só, coisas como uma amizade entre um homem e uma mulher héteros é explorada de forma bem frouxa e clichê, um personagem gay não acrescenta em nada o plot do livro assim como até mesmo não sabemos nada sobre Neal no final das contas. Ele fez as escolhas certas? Ele está feliz como está? Tudo que o livro acaba focando, é no cansativo drama de Georgia e nas escolhas que ela faz.

Bom, é só o que eu posso falar desse livro porque não tenho muito o que falar e espero não receber muitas criticas das pessoas que gostaram desse livro, apenas o que penso.

Alguém já leu ele? O que achou?





0 comentários:

Olá pessoal! Sejam bem vindos à nossa seção de comentários, a opinião de vocês é de extrema importância para nós e vamos adorar ler cada comentário, mas claro, nunca se esqueçam de que gentileza gera gentileza ♥