Resenha: Biblioteca de Almas, Ransom Riggs

Lorraina Almeida 0 Comments

ISBN-13: 9788580579666
ISBN-10: 858057966X
Ano: 2016 / Páginas: 416
Editora: Intrínseca

Sinopse: Neste terceiro livro, depois de sofrer com a morte do avô, conhecer crianças com habilidades peculiares em uma fenda temporal e partir pelo mar em uma busca desesperada para curar a srta. Peregrine, Jacob vai finalmente enfrentar a inevitável conclusão dessa turbulenta jornada. Jacob descobre uma poderosa habilidade e não demora a explorá-la para resgatar os amigos peculiares e as ymbrynes da fortaleza dos acólitos. Junto com ele vai Emma Bloom, uma menina capaz de produzir fogo com as mãos, e Addison MacHenry, um cão com faro especial para encontrar crianças perdidas. Partindo da Londres dos dias atuais, o grupo vai percorrer as ruelas labirínticas do chamado Recanto do Demônio, uma complexa fenda temporal que abriga todo tipo de vícios e perversões. É ali que o destino de peculiares de toda parte será decidido de uma vez por todas.

Olá, pessoal!
Hoje estou aqui para falar do meu primeiro livro lido em 2019 -palmas- e que finalmente me tirou da ressaca literária! 
Aqui no blog tem a resenha do primeiro e do segundo livro, que vocês podem conferir aqui e aqui, respectivamente. Então, por ser o terceiro livro, pode ser que contenha alguns spoilers, caso você não conheça a história.

Fiquei extremamente feliz por ter sido esse o livro que escolhi para começar o ano, porque o Ranson Riggs escreve de uma maneira tão leve, mas tão leve, que quando você pisca o olho já leu 100 páginas sem perceber. O que faz a leitura fluir num ritmo incrível.

Biblioteca de Almas começa com a grande revelação do poder peculiar de Jacob, o que foi um grande boom na história porque é a peça primordial para o restante do livro. Uma das coisas que eu mais gostei é a relação do personagem com o seu dom peculiar, descobrir algo tão novo sobre si requer uma coragem imensa para continuar seguindo em frente e o Jacob faz isso com maestria.

Ao longo da leitura podemos perceber a luta interna que o personagem carrega consigo, entre quem ele era e quem ele é no momento, mas essas dúvidas não fazem com que o livro se torne algo chato e enrolado.

E isso se deu exatamente pela ação constante, Jacob, Emma e o cão Addison estão correndo contra o tempo e contra todos para poder achar seus amigos e as ymbrynes que caíram nas mãos dos acólitos, salvá-los é o que os movimenta e os faz seguir em frente.

Na busca pelos seus amigos, eles encontram diversos inimigos, diversas pessoas dispostas a ajudar e muitos perigos, a cada passo mais perto de seu objetivo e mais fundo no mundo peculiar.

Um ponto muito positivo sobre esse livro foi a maneira que o mundo é apresentado, Ransom Riggs conta mais e mais detalhes sobre as crenças do mundo peculiar, dando a oportunidade para que a gente conheça não só os personagens, mas também tudo aquilo que está por trás deles, suas crenças, suas motivações e as suas histórias.

O livro é repleto de reviravoltas, sempre surpreendendo a cada página e, ao mesmo tempo, deixando espaço para o romance de Jacob e Emma. Romance este que está presente nas entrelinhas, nas atitudes e na determinação de manter o outro vivo a cada página. Não espere ler esse livro e encontrar nele um romance meloso, os personagens lidam com os seus sentimentos de maneira muito madura, principalmente por não saberem como será o futuro deles como um casal.

"Apenas uma história. Mas nunca era apenas uma história. Isso tinha se tornado uma das verdades definidoras da minha vida, pois por mais que eu tentasse manter as histórias aplanadas, bidimensionais, presas em papel e tinta, sempre haveria aquelas que se recusavam a ficar restritas ao interior dos livros. Eu sabia: uma história tinha engolido a minha vida." (Pg. 330)
Outro ponto altíssimo para o autor foi a maneira como ele lida com livros na história. Como o próprio título do livro dá a entender, bibliotecas fazem parte da essência dos seres, e a maneira que ele cria essa relação é linda e tem absolutamente tudo a ver com o dom peculiar de Jacob. Não posso dizer mais nada, porque não posso dar muitos spoilers, mas foi algo que me deixou bem feliz quando li.

Recomendo muito a leitura dessa série para todo mundo, e desse livro em particular, porque ele consegue trazer tudo o que tem de melhor nos outros dois livros e mais um pouco.
E vocês, alguém aí já leu esse livro? Conta aqui nos comentários pra gente conversar um pouquinho. 
Até o próximo post!

0 comentários:

Olá pessoal! Sejam bem vindos à nossa seção de comentários, a opinião de vocês é de extrema importância para nós e vamos adorar ler cada comentário, mas claro, nunca se esqueçam de que gentileza gera gentileza ♥